domingo, 1 de junho de 2014

Interpretação Musical

Interpretação, tudo que você precisa saber.

Mais importante do que virtuosismo, notas altas e tudo aquilo que nós que estudamos canto sempre queremos alcançar, a interpretação é o ponto chave de tudo isso que fazemos, vou além e digo que tudo que estudamos no canto serve apenas como ferramenta a ser utilizada quando interpretamos uma canção.
Este é um assunto bem extenso, já que como disse acaba tocando em todas as áreas do estudo do canto. Pretendo criar com este artigo um guia para que você tenha bem claro em sua mente alguns pontos que vão te ajudar a colocar a sua identidade através da sua interpretação e quando você deve impor limites nisso.

O que é Interpretação Musical?

Interpretação nada mais é do que a forma como você executa determinada música, cada pessoa por mais que tente não consegue copiar a outra com total perfeição, isso acontece porque já de início com timbre e extensão vocal diferente, as vozes tendem a mostrar intensidade diferente na execução de determinadas notas e isso já faz uma diferença muito grande na interpretação.
Por mais parecido que seja o timbre e as intenções dos cantores na execução de uma música mesmo assim o ouvinte pode perceber diferenças mesmo que de forma subconsciente.
O que é grande dificuldade principalmente para quem está começando aprender a cantar agora, é justamente ter o controle de quando colocar sua identidade na música e quando amenizar isso para deixar a canção o mais próximo possível da execução original do compositor ou do interprete original da canção.
É muito difícil para quem está começando agora se soltar e passear pela música, variando intensidades, técnicas e passeando pelas notas que a música permite, é claro, tomando todo o cuidado para não descaracterizar a música, isso é o que vamos falar a seguir.

Cuidados

A maioria dos cantores que estão iniciando e alguns que já estão até há alguns anos na estrada, cometem o erro de exagerar na interpretação das canções e isso é muito comum no canto Black, falo disso de forma segura, pois é minha área e posso falar disso com propriedade pois como todos sabem os cantores de música Black são extremamente virtuosos e seguros em diversas técnicas de ornamentação que são ferramentas importantíssimas para se utilizar quando estamos interpretando uma música, mas isso nem sempre é usado da forma correta.
Muitos têm por costume exagerar em melismas, apogiaturas e vibrato fora de controle.
Um problema maior é quando o músico tem grande facilidade em escalas e empréstimos modais (coisas que geralmente são de conhecimento daqueles que tocam algum instrumento), o cantor acaba passeando por todas as notas possíveis e imagináveis descaracterizando a música e deixando tudo muito chato para quem está ouvindo, isso não acontece só no canto Black, todo aquele que estuda canto e está em um nível mais elevado de conhecimento e técnica, deve tomar cuidado para não cometer esses erros tão comuns.

Como Interpretar na Medida Certa.

Uma coisa que aprendi desde cedo com um dos professores de canto que tive, cujo o ramo principal por incrível que pareça é a black music, foi que devemos dosar nossa interpretação.
Um ponto que devemos atentar logo de partida é o respeito a melodia e ao compositor da música, uma regra simples que aprendi e nunca esqueço é a seguinte: Na primeira vez que a música( 1ºEstrofe + Refrão ) você deve passar a mensagem que o compositor quis passar com essa música, respeitar a melodia e no máximo alterar intensidades e tempo em algumas poucas notas, após isso na segunda vez em que cantar é hora de mostrar como você vê e sente essa música, coloque a sua identidade sempre tendo a melodia principal como seu alvo.
Você poderá dar pequenas escapadas da melodia, existirão casos em que você poderá improvisar novas melodias em cima da principal, mas apenas se você estiver cantando com backs ou um coral que sustente a melodia principal, aí meu amigo é só soltar a criatividade.
Procure sempre manter o bom senso, as pessoas não são burras e não é porque não tem conhecimento musical profundo que não vão saber diferenciar a boa música de uma confusão de notas e melismas fora de hora, fique atento a isso.

Hino Nacional

Resolvi separar este assunto em um tópico específico, apenas para trazer equilíbrio no que se refere a interpretação do hino nacional brasileiro. Muitos cantores sejam iniciantes ou famosos, e aproveito para dizer que ser famoso não é sinal de cantar muito bem, muitos de nós que amamos cantar cometemos o erro de nos espelhar em cantores americanos quando cantam o hino nacional do seu pais e isso é um tremendo erro, vou dizer o porque.
O hino nacional brasileiro é uma poesia, deve ser praticamente recitado enquanto cantamos ao contrário do hino de outros países que muitas vezes falam de guerra então possuem uma letra tão rica quanto a do hino nacional brasileiro.
Procure cantar de forma a valorizar a letra, canalize seus sentimentos para que possa prender o ouvinte a você logo na primeira estrofe e faça com que as pessoas reflitam na profundidade da letra e que se orgulhem do país onde nasceram, uma boa interpretação tem esse poder.
Interpretar o hino nacional não deve ser usado como um momento para mostrar toda sua técnica e dar uma aula de canto no palco, algumas músicas e estilos pedem que você seja o mais básico e trivial possível, veja abaixo.

Qual o Estilo da Música?

Existem estilos onde a interpretação deve ser muito mais dosada, é o caso da MPB, Bossa Nova e outros ritmos brasileiros, o samba não se encaixa tanto pois por se tratar de um ritmo criado por negros por si só já da vazão a improvisos e alterações na melodia, por tanto nunca tente cantar garota de Ipanema e colocar melismas e apogiaturas, alguns professores e instituições de canto ensinam até mesmo que o vibrato é praticamente proibido na bossa e isso é uma grande verdade.
Não tente em nome da interpretação modificar as raízes de um estilo, isso agride aos ouvidos daqueles que amam e conhecem o estilo musical no qual você está baseando sua interpretação e ao invés de aplausos você irá ganhar apenas a repulsa daqueles que estão te ouvindo.

Como se Estuda Interpretação?

Uma boa interpretação é fruto de muito estudo e segurança nas técnicas das quais você tem conhecimento e estuda, não se pode estudar diretamente interpretação, você pode treinar e se aventurar cantando músicas de outros cantores e colocando sua identidade, pode também estudar para dosar as coisas como comentado acima, Algumas dicas que posso dar são as seguintes:
  • Ouça Muito: Ouvir, ouvir e ouvir é o que você precisa para que sua criatividade esteja a flor da pele, você vai precisar dela para interpretar e fluir tranquilamente na sua interpretação durante a música, se você não sabe estudar a partir de um cd leia nosso artigo Como Tirar música ou estudar um CD, e veja como fazer isso e esteja sempre motivado a estudar.
  • Grave e ouça: É uma grande ferramenta de apoio ao cantor, grave o que você canta e analise como você fez, o que pode melhorar e podar, veja também tudo que você acha que faltou treine e grave de novo.
  • Criando uma interpretação: Monte sua interpretação estude, faça análises como se fosse um jogo de xadrez, com o passar do tempo você poderá fazer isso muito mais rápido e mal vai precisar pensar em como fazer, apenas vai fluir de você interpretações de primeira.

Interpretação, Improviso ou Decoreba?

Depende muito da situação você não poderá montar uma interpretação bem elaborada para executar determinada música, muitas vezes você será solicitado a cantar uma música sem tempo hábil para pensar em tudo que irá executar e não poderá planejar corretamente suas ações, por este motivo eu aconselho que você sempre treine sua criatividade nessa área, pois você estará sempre pronto quando for solicitado e não vai fazer feio.
Quando você tiver tempo de montar sua interpretação previamente, aproveite e de um show, monte tudo como você gostaria de ouvir, coloque todas essas dicas em prática e será um sucesso. Vejam abaixo um vídeo de exemplo de uma boa interpretação. Abraços

Nenhum comentário:

Google+ Badge

Total de visualizações de página

Twitter Delicious Facebook Digg Stumbleupon Favorites More

 
Design by Free WordPress Themes | Bloggerized by Lasantha - Premium Blogger Themes | Bluehost Review